Subscribe to RSS feeds

domingo, 12 de setembro de 2010

Pessoas...



Num dia desses eu disse a uma pessoa, não desista! E ela não me deu ouvidos...Eu não me considero modelo para ninguém, mas mesmo assim posto aqui minhas experiências na esperança de que alguém me conteste dizendo que estou errado ou me mostre um exemplo melhor.Desafios me encantam e normalmente não tenho medo de dificuldades. Dificuldades existem para serem ultrapassadas. Se existir uma dificuldade impossível já sai do conceito "dificuldade" e passa a ser considerada FATO.
Não tenho o costume de desistir fácil de nada! Quando me empenho em qualquer coisa vou até o fim (ou o meu fim! rsrs). O fato é que: ou a dificuldade é vencida ou eu sou vencido, mas os dois não ficam em pé ao mesmo tempo!
Acredito ser esta uma postura legal (por isto a defendo neste momento). Não desisto das pessoas, exceto se as pessoas desistirem, porque para haver qualquer relacionamento é necessário a aceitação e a interatividade de ambas as partes. Mas mesmo quando as pessoas desistem eu fico em "stand-by", ou seja, pronto para voltar a ativa ao menor sinal. Ou seja, só estou dando um tempo...
Desistir de pessoas, é tentar se colocar no lugar delas e tentar ver o mundo, pela ótica da coerência e do bom senso...nem sempre dá. As pessoas tem suas vidas, seus relacionamentos, e aqui na Irlanda, todo mundo parece que conhece todo mundo, apenas pelo fato de estar e viver aqui, mas a verdade não é bem assim...por várias vezes, já me perguntei: quem é essa gente?  Eu não conheço ninguém, da minha infância e com os meus valores...nem mesmo somos do mesmo estado no Brasil. Não acredito nas desuniões calcadas no desequilíbrio. Com isto nunca me afasto de ninguém enquanto há problemas. Ou seja, se tiver problemas comigo saiba que irá me ver por perto por muito tempo (rsrsrsrs). A desunião ideal é aquela que ocorre naturalmente. É como aquela perda natural de contato com aquele amigo querido. Não houve nenhum problema para que isto acontecesse. Permitam-me discordar desta frase pois acredito que na vida existem momentos para arriscar, momentos para esperar e momentos para desistir. E o mais difícil é descobrirmos, pior ainda, aceitarmos que chegou o momento em que temos de desistir de algo ou de alguém. Seja ela um amor, uma amizade ou um conhecido "irlandês". Aqui coloco-me a questão se realmente devemos desistir de uma pessoa. Contudo não sou santo nem perfeito e acredito que só desistem de mim quando eu já me excedi por demasiadas vezes ou porque eu próprio desisti das pessoas. E foi raro, é muito raro desistir de alguém. Já pensaram como podemos aprender com os outros? Já pensaram no enorme tesouro que é termos alguém do nosso lado que nos puxa quando nos afundamos, que nos empurra quando ficamos para trás, que nos enxugam as lágrimas quando precisamos chorar? Já pensaram como é inqualificável o valor de alguém que, contra tudo e todos, acredita em nós, luta por nós e nos defende? Isto é o sinônimo de alguém que nos ama, de um verdadeiro amigo, de uma familiar a quem podemos realmente chamar de tal. Pelo menos para mim!
E foi exatamente isso que senti, essa semana, quando comemorei meus 44 anos, agora com dois nascimentos: um dia 9 de setembro de 1966 e outro mais recente dia 08 de agosto de 2010.Agora comemoro o aniversário irlandês também.
Sinto-me mais maduro e renovado a cada dia que passa. Talvez, precisemos mesmo passar por situações complicadas para passar a valorizar mais o sentido dos pequenos gestos. Talvez, seja necessário momentos assim para conhecer o verdadeiro olhar das pessoas, sem as suas máscaras...irlandesas...

19 comentários:

Juliana Reis disse...

Ei Wagner
isso que vc descreveu chama-se resiliência!
Vc é uma pessoa muito resiliente parabéns! De coração de digo isso. Pq não é fácil passar por situações desafiadoras mas saber transforma-se com elas é o melhor. Ainda por cima enfrenta com muita coragem as tempestades. afinal o oceano não é um mar sempre calmo e se assim fosse como exercitariamos o musculo da coragem.
Vá em frente e viva com celebraçoes sempre. Aniversarios, vitorias...
abraço

Wagner, DUBLIN disse...

Juliana Reis...vc me entendeu perfeitamente...obrigado, por me mostrar, que eu estou no caminho certo: resiliência.

Nivea Sorensen disse...

Wagner,
Aproveito para te desejar parabéns atrasado. Que seu ano novo seja repleto de felicidades, saúde e tudo o mais de bom.
Um beijo grande pra vc,
N.

brunahagemann disse...

Você renasceu de leão. Bom sinal. Muita força, garra, vaidade e poder! Se joga bofe :-*

Wagner, DUBLIN disse...

obrigado, Nivea

Wagner, DUBLIN disse...

valeuuuuuu, misses hagemann

Danda Walsh disse...

Oi Wagner, ler o seu post hoje foi uma grande forca para meu espirito que anda meio sem forcas, indagando muitos caminhos em minha vida.
Obrigada por compartilhar seu positivismo e vida. Bj grande na alma e parabens por ser voce.

MMM disse...

Meu Querido AMIGO,suas palavras tocaram fundo na minha alma,pq tbm me sinto assim as veses,talves por nao estar como vc junto dos meus,mas como disse a juliana reis afinal o oceano não é um mar sempre calmo e se assim fosse como exercitariamos o musculo da coragem.muita forca e fe p vc,e qdo vc voltar avisa pois quero te dar um forte abraco,se cuida fica com Deus,bjs Mi.

Wagner, DUBLIN disse...

Mi...obrigado pelo carinho...adoreiiiiiiiiiiii...finalmente, vc deu as caras por aqui

Wagner, DUBLIN disse...

Danda, obrigado mineirinha boa de Cristina...

Monikinha disse...

É por essas e outras q te admiro um tantão assim...sua positividade, força e coragem de tomar novos rumos, e a capacidade de enxergar os desafios como oportunidade de crescimento, é o q te faz ser tão especial!!

Amoreco, é isso aí se a vida te der limão...faça uma boa caipirinha e me chama p tomar junto com vc kkkkkkkk
beijocas!

Wagner, DUBLIN disse...

êta lelê...mais uma minerinha porreta, por aqui...Moniquinha...adoreiiiiiiiii..obrigado.

Sancha Caroline Mendes disse...

Arrasou!!!!!!! Ás vezs precisamos de palavras que nos traga força, e estou percebendo que após o seu renasciemnto vc surgiu com mais força e muito mais maduro! Parabéns! x

P.s: pq num chamou pra bebemorar o seu niver??? hehehehe

Wagner, DUBLIN disse...

Iiiiiiiiiiiiiii..Sancha...pior que num fiz nada...meus flatmates me armaram um bolinho..não to podendo beber..ainda..hahahahahahaha...

K∂riиє* Smith. disse...

Eiii, parabéns atrasado e tudo de muito bom nessa vida, todos os dias.

beijo meu

Wagner, DUBLIN disse...

obrigado, karine.

Mr. Lemos disse...

Amigo, se precisar matar alguém por aí, é só dar um alô. Chego em duas semanas....

Cath disse...

Oiii, faz tempo que eu não passo por aki. Eu estava pensando essa semana que vc faz ou já fez aniversário, mas como eu li pessoal dando os parabéns atrasados, eu tb quero me juntar ao povo e desejar os meus parabéns e que Deus te abençõe e ilumine todos os seus passos. Suas palavras são lindas e não tem como não concordar, parece que todos nós estamos no mesmo barco, mas ao mesmo tempo não somos iguais, acabamos traçando caminhos diferentes que nos levam a direções opostas e talvez é muito dificil pesar o que é facil e dificil, mas a sua sensibilidade é "amazing" e suas palavras inspiradoras, principalmente qdo vc compara com desafio, perder ou vencer uma batalha. Gostei bastante do texto e acho que serve bastante para a minha vida. Parabéns! abs

Wagner, DUBLIN disse...

Cath...ainda bem, que os Blogs, nos permitem esses desabafos, porque as vezes estando tão longe de casa e daqueles amigos, que vc normalmente ligaria e diria: vamos dar uma saidinha e por a conversa em dia, vc poderia faze-lo..mas eles, que te conhecem, sabem da sua essência estão tão longes, que as vezes só nos resta o blog. Eu estou numa fase, que mesmo tendo ligado para alguns deles, não resolveu: eu precisava olhos nos olhos, mãos seguras..entende, abraço amigo, mesmo!!!!no fundo, somos orfãos da nossa ousadia e das nossas escolhas...